segunda-feira, 16 de agosto de 2010

HERDADE DO PINHEIRO TINTO 2006

Na sexta-feira, tive convidados em casa onde, mesmo com o calor que se tem sentido nos ultimos dias, por hora do jantar estava muito agradável para beber um bom vinho tinto. O jantar foi Fondue, com carne de vaca bem tenrrinha por sinal, e tudo a que o Fondue tem direito, como arroz, feijão preto à moda da casa, couve de caldo verde salteada em azeite e alho, alguns molhos, fruta da época, e mais umas coisas, como boa disposição.
Para abrir a janta, como os convidados já vieram mais tarde do que o esperado, um vinho tinto alentejano de 2006, de uma das herdades que se dedicam ao vinho e ao azeite.

Herdade do Pinheiro Tinto 2006. Com uma cor vermelho escuro, quando no copo soltou aroma frutado, ameixa bem madura e alguma passa, mas ligeira. Um toque abaunilhado a sair, devido ao seu estágio, que me agradou muito. Na boca, mostrou-se bem estruturado, com intensidade suficiente, e um final médio/ longo.

Gostei deste vinho, querendo futuramente provar o reserva, ficando com grande curiosidade.

Nota: 15,5
Preço: ?
Enviar um comentário