terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

QUINTA DA ROMANEIRA LBV 2001

Este LBV chegou-me ás mãos por meio de um amigo. Um Quinta da Romaneira, de 2001. Fiquei curioso para saber como este vinho se ia apresentar, como estava de saúde, se tinha conseguido manter alguma fruta e boa acidez. Então vamos à prova.

Limpido, de cor vermelho cereja e de lágrima persistente. No nariz, fantástico. Aromas não muito intensos, de frutos vermelhos, tosta, fumo e algum caramelo. Na boca sim, cheio, poderoso, com excelente acidez, vivo, capaz de aguentar ainda por mais uns bons anos em garrafa, intenso, até fresco, com um final de boca maravilhoso. Um vinho delicioso com sobremesas e alguns queijos, ou simplesmente com um bom café. Não ponham açucar no café, quem põe claro, e vão buscar o açucar do vinho. Delicioso.



Nota: 16,5
Preço: ?
Produtor: Quinta da Romaneira
Enólogo: António Agrellos
Enviar um comentário